quarta-feira, setembro 30, 2015

PREFEITO DE IPU CHAMA RADIALISTAS QUE O CRITICAM DE "VAGABUNDOS"

Assim como os Imperadores da Roma Antiga, Sergio não aceita críticas/ Foto Aconteceu Ipu

Repercute com intensidade em Ipu a forte entrevista do Prefeito de Ipu Sergio Rufino (PCdoB) concedida na última sexta, 24.09, na Rádio Iracema em um programa noticioso pago pela Prefeitura.
Mostrando irritação, contradições em suas colocações políticas e em tom de desequilíbrio em suas palavras, Rufino foi ao rádio para falar de abastecimento d'água e do caixa da Ipuprev, mas acabou vendo sua primeira intenção sendo ofuscada por suas colocações que refletiam que o chefe do executivo está passando por um momento amargo em sua gestão.

PDT DE IPU
Após perder o comando do cobiçado e governista PDT para a oposição, Sergio Rufino disse nos microfones da Iracema que o partido lhe foi oferecido, mas que não quis. Na sua mesma fala, o gestor de Ipu disse, de forma paradoxal, que queria o partido. 
Curiosamente na edição anterior do mesmo noticioso, foi afirmado que o Prefeito perdera a disputa do PDT para a oposição e que o grupo do ex-prefeito Sávio Pontes que saiu fortalecido.

SILÊNCIO SOBRE O CASO DO VICE
Sobre a polêmica que envolve a grave denúncia em que houve uma locação irregular no valor de 8.000 reais de um automóvel para o inexistente gabinete do Vice Prefeito, locação esta que foi veementemente negada por seu companheiro de chapa em 2012, Sergio Rufino e seus locutores ficaram em silêncio.

VAGABUNDOS
Em dado momento da entrevista, numa nítida demostração de acuamento, o prefeito atacou a imprensa de oposição:“Eu não tenho que dar satisfação, a vagabundo que usa o microfone e não tem responsabilidade de dizer o que fala”, disse o comunista prefeito de Ipu. 

"Mesmice e Retrocesso" - CARLOS EDUARDO NÃO COMUNGA COM OS IDEAIS DO GRUPO LIBERDADE


Matéria do Blog Aconteceu Ipu (Afrânio Soares)
_____________________________________

O termo "Terceira Via" nunca esteve tão presente na vida política dos ipuenses como agora. Assim nos começamos a traçar nossas linhas de comentários e indagações. O vice-prefeito de Ipu, Dr. Carlos Eduardo Martins Torres usou sua página na rede social Facebook, ocasião em que se lançou a favor de uma 3ª via para mudar os rumos da política em 2016 na a terra de Iracema, Ipu. Segundo o nobre ipuense (..) "Ipu, nossa terra querida, precisa entrar nos trilhos e rumar para dias melhores!! Diga não à mesmice e ao retrocesso!! Rumo ao crescimento e à valorização das famílias ipuenses!!! Muda Ipu!!! 3ª Via já!!!". Questionado por um amigo da sua rede, Sr. José Carlos Mesquita, que perguntou (..)" Vai para onde dr.? Apoiar a corrupção?.... Carlos Eduardo respondeu: (..) "Nunca fui corrupto amigo!!!! Acho que você me conhece!! Você já ouviu falar em 3ª opção?? É isso que quero tentar!!! Abraço irmão!!!".

As palavras do vice-prefeito foi a "gota d'água" em gerar uma serie de opiniões nas redes sociais e demais veículos de comunicações, seja na escrita e na radiofonia de Ipu. Ficou a pergunta!!! Será que o vice-prefeito rompeu com o seu grupo "Liberdade"? Se suas afirmações foram publicadas no dia 25 de setembro do corrente ano, porque o vice-prefeito ainda não oficializou seu rompimento? O vice-prefeito estaria esperando o que para tomar sua atitude de embarcar na política da 3ª Via? São perguntas que somente o vice-prefeito Carlos Eduardo poderá responder para os ipuenses.
A proposta da Política da Terceira Via foi elabora pelo sociólogo e estudioso de política "Giddense", segundo seus relatos, o termo nada mais é do que o impasse entre a Social Democracia tradicional com o neoliberalismo, uma situação de mediar conflitos entre os interesses econômicos e políticos despolarizando o modelo existente, criando uma nova ideia cultural e política.

O recado do vice-prefeito Carlos Eduardo deixou muito claro que o atual modelo existente na política de Ipu não comunga com os seus ideais, para ele, tudo continua centralizado numa mesma política de "mesmices e retrocessos", foram essas as suas palavras.
Um outro fato que causou estranheza foi a "deixa" de quem estaria atacando e desvalorizando as famílias ipuenses no que ele chama de "retrocesso" político? O fato é que já existe um suposto movimento em torno deste processo da 3ª Via defendida pelo vice-prefeito.

Segundo o que se comenta nas rodas políticas, o vice-prefeito já estaria supostamente com um grupo projetado desta 3ª Via com apoio de outros partidos ligados a amigos e famíliares seus nesta construção, já que, o seu papai já detém uma poderio radiofônico com a rádio FM Cidade como o "carro chefe" deste princípio político, neste enlace, se comentam que existe a possibilidade desta nova via entrar o ano de 2016 com uma base de apoio de três vereadores. Será? São os ti-ti-tis!!!
Nesta nova conjuntura especulativa desta luta pela formação de um novo grupo político para o Ipu, o deputado estadual Bruno Pedrosa postou uma foto em sua rede social caracterizando que o vice-prefeito esteve em reunião no seu gabinete, ocasião em que, as conversas animadas desencadearam para o futuro da política ipuense. Assim escreveu o deputado (..) "Recebemos o vice-prefeito de Ipu, Carlos Eduardo e Marcos Pinto, conversa animada sobre o futuro da política ipuense, precisamos de renovação e de juventude". Finalizou.
Resta agora saber quando o vice-prefeito vai decidir sobre a sua permanência no grupo liberdade. Nossos leitores estão aguardando seu posicionamento! Para alguns estudiosos da política ipuense, o vice-prefeito e sua família está apenas se valorizando dentro do momento político. "Um futuro incerto". Será? Deixamos o nosso espaço para qualquer pronunciamento do vice-prefeito Carlos Eduardo.
Afrânio Soares
Fonte: Portal de Notícias Aconteceu Ipu

JANELA PARTIDÁRIA PARA VEREADORES E PRAZO FINAL DE FILIAÇÕES FICAM PARA MARÇO DE 2016

A presidente Dilma Rousseff sancionou com vetos à Lei 13.165/2015. As novas regras e os vetos foram publicados em edição extra do "Diário Oficial da União" nesta terça-feira (29).

O novo texto determina que a janela partidária existirá apenas nos 30 dias do sétimo mês que antecede a eleição, desde que seja o último ano do mandato daquele parlamentar que deseja fazer a troca. Ou seja, pela nova regra, deputados só poderão mudar de partido em 2018. Na prática a nova regra já estará valendo no próximo ano para os candidatos a vereadores, que entre 2 de março e 2 de abril de 2016 poderão trocar de partido sem perder o mandato. 

Restará aos partidos agora com a definição das regras, começarem a correr contra o tempo para definir seus filiados e quem vai permanecer ou sair do partido, além de saber quem será candidato nas eleições municipais de 2016.


NOVAS REGRAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES. (LEI ACABA DE SER PUBLICADA):
De agora em diante, ao invés de 90 dias serão apenas 45 dias de campanha. O candidato deve se filiar a um partido seis meses e não um ano como antes das eleições.
Para quem trabalha nas eleições com carros de som e etc, agora terão que contribuir com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) como contribuinte individual.
PRINCIPAIS MUDANÇAS!
1 - O prazo de filiação partidária fixado em 6 meses antes da data das eleições.
2 – JANELA: fica permitida a mudança de partido efetuada durante o período de 30 dias que antecede o prazo de filiação exigido em lei para concorrer à eleição, majoritária ou proporcional, que se realizará no ano anterior ao término do mandato vigente.
3 - Fixação de teto para gastos de campanha:
a) Para presidente, governador e prefeito:
    I. Se na eleição anterior houve apenas um turno, o teto será de 70% do maior gasto declarado para o cargo, na circunscrição eleitoral.
    II. Se tiver havido dois turnos, o limite será de 50% do maior gasto declarado para o cargo, na circunscrição eleitoral.
    III. Para segundo turno, o limite de gastos será de 30% do gasto efetuado no 1° turno.
b) Para senador, vereador, deputado estadual e distrital, e deputado federal: Limite de 70% do gasto contratado na eleição anterior, na circunscrição para o respectivo cargo.
4 - Redução do período da campanha eleitoral de 90 para 45 dias.
5 - Mudança na distribuição do tempo reservado à propaganda eleitoral:
     ➢ Diminuição de 45 para 35 dias do período em que a propaganda deve ser transmitida pelas emissoras antes das eleições gerais ou municipais.
       I. 90% serão distribuídos proporcionalmente ao número de representantes da Câmara dos Deputados, considerados:
       I. a) Nas coligações das eleições majoritárias, o resultado da soma do número de representantes dos seis maiores partidos que a integrem.
       I. b) Nas coligações das eleições proporcionais, o resultado da soma do número de representantes de todos os partidos que a integrem.
       II. 10% distribuídos igualitariamente.
6  - Voto Impresso. VETADO
7 – Prazo mínimo de filiação do candidato ao partido pelo qual concorrerá passa de UM ANO PARA SEIS MESES;
8 – Manutenção da contratação de carros de som e cabos eleitorais. O pessoal contratado pelos candidatos ou partidos para as campanhas eleitorais terá de contribuir com o INSS como contribuinte individual;
RESUMO DO NOVO CALENDÁRIO ELEITORAL
➢ Convenções
      De 20 de julho a 5 de agosto do ano da eleição.
➢ Registro
     15 de agosto do ano da eleição.
➢ Duração da Campanha eleitoral
      45 dias.
➢ Propaganda Eleitoral
      A partir de 15 de agosto do ano da eleição.
➢ Vedação às emissoras de transmitir programa apresentado ou comentado por quem venha a ser candidato
     30 de junho do ano da eleição
➢ Propaganda Eleitoral gratuita na televisão e no rádio
      35 dias anteriores à antevéspera das eleições.
Edição Extra do DOU de 29/09/2015 - (agora à tarde)

Promulgada a LEI No 13.165, DE 29 DE SETEMBRO DE 2015 Altera as Leis nos 9.504, de 30 de setembro de 1997, 9.096, de 19 de setembro de 1995, e 4.737, de 15 de julho de 1965 - Código Eleitoral, para reduzir os custos das campanhas eleitorais, simplificar a administração dos Partidos Políticos e incentivar a participação feminina.
TEXTO E PESQUISA Blog do KT (Professor Kleber Teixeira)

PPS DE MOSES RODRIGUES FICA EM IPU COM CORRELIGIONÁRIOS DE ADRIANO MELO

Deputado Moses e Vereador Adriano
A noticia divulgada por setores da imprensa de Ipu que o radialista Gomes Farias ficaria com o comando do PPS local e que sairia candidato à Prefeito em 2016, não passou de um factoide. A sigla socialista em Ipu ficou mesmo indiretamente comandada pelo vereador Adriano Melo (PV). 
Correligionários do Edil assumiram o comando do diretório local.
Adriano Melo é um dos pré-candidatos a Prefeito de Ipu pelo grupo de oposição. O acadêmico de direito e que vem tendo uma brilhante atuação no legislativo ipuense, confirma prestígio junto ao Deputado Federal Moses Rodrigues que é o home forte do PPS na Zona Norte.

Netcina: ATITUDES DO VICE DEIXAM CLARO SUA RUPTURA COM SERGIO RUFINO

                                                       
O clima entre o Vice-Prefeito Carlos Eduardo M T (SD)e o Prefeito Sérgio Rufino (PC do B) não anda nada bem. As ações de Carlos Eduardo, classificadas por setores da imprensa de "rebeldes", refletem que Sérgio Rufino não o quer mais em sua composição de chapa na condição de vice. O nome mais cotado, segundo os bastidores políticos, seria o do Cel Martins (PT), tio da esposa de Carlos Eduardo. Para engrossar o caldo o blogueiro do Prefeito Luiz Fernando (ou será o Raimundo José?), publicou matéria onde declara o rompimento do Vice com o Prefeito.
Para endossar mais o clima de ruptura, Carlos Eduardo esteve no gabinete do Deputado Bruno Pedrosa.(PSC), este também opositor ao Prefeito Sergio Rufino, onde uma suposta articulação de terceira via estaria sendo montada visando a sucessão de 2016.
Salienta-se que tudo começou por conta de uma denuncia onde o gabinete do Vice-Prefeito estaria sendo contemplado com um automóvel locado pelo valor de R$ 8.000,00 reais. Carlos Eduardo retrucou dizendo em nota que em Ipu não há esse gabinete e desconhecia esse aluguel. A gestão contestou dizendo que havia um e-mail do vice-prefeito autorizando a licitação para locação do automóvel, porém, tal e-mail, até o presente momento não foi apresentado à sociedade ipuense.
No momento não há nada de oficial em relação à ruptura, contudo, o clima de fogo amigo continua. Não se sabe quem terá a altivez de declarar primeiro, se é o Prefeito ou o Vice-Prefeito. No entanto a imprensa ligada ao Prefeito Sergio Rufino já afirma tal rompimento abertamente pelos quatro cantos de Ipu.
Fonte: Rarisson Ramon (Via Facebook)

terça-feira, setembro 29, 2015

Adriano Melo "O REMÉDIO DA ATUAL ADMINISTRAÇÃO É QUERER CONSERTAR SEUS ERROS COM OS ERROS DO PASSADO"

O vereador Adriano Melo na sessão ordinária da Câmara Municipal de Ipu da última quinta-feira (24/09) ingressou com requerimento na casa para a retirada do projeto de sua autoria que institui o calendário de eventos do município.
Adriano Justificou que o projeto não recebeu a importância devida pela Mesa Diretora da Câmara, pois nunca foi colocado em votação. Ivo Sousa num aparte lamentou e disse desde que é vereador nunca ter visto um presidente engavetar tantos projetos. Hilton, Efigênia Mororó e Eduardo Ximenes também se juntaram ao colega e manifestaram apoio ao vereador Adriano Melo.
Melo argumento que desde 2013 tem apresentado várias propostas para o fomento e o desenvolvimento cultural  de Ipu. Segundo o edil outros municípios do estado estão se adequando a essa nova realidade. O prejuízo é muito grande de todos aqueles que têm atividades culturais em Ipu, porque não existe uma regulamentação específica que trate dos eventos de Ipu, e as instituições não podem solicitar recursos das esferas estadual e federal e por conseguinte de empresas de grande porte.
Adriano foi enfático em dizer, já que o seu projeto não foi acatado na Câmara, com certeza voltará pelas mãos do povo. Contudo o projeto do prefeito que reduz salários de servidores que ajudam a fazer a funcionar essa "administração capenga", chegou no dia, já tramitou e já querem empurrar de goela abaixo  dos vereadores.
"O remédio da atual administração é querer consertar os seus erros, com os erros do passado. Só para os senhores terem uma ideia, a gestão só de pneus e acessórios já gastou quase meio milhão de reais. Aí eu pergunto; pneus para quais carros? Se o carro tão comentado do vice-prefeito nunca ninguém viu!" Aumentou o tom um dos maiores destaques dos últimos tempos da política de Ipu; Adriano Melo.

Fonte Repórter Francisco José

PREFEITOS ASSINAM FILIAÇÃO AO PDT E REFORÇAM PARTIDO NO CEARÁ

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) recebeu na noite desta segunda-feira, 43 novos prefeitos que a partir de agora vão reforçar a legenda e já iniciam os trabalhos de olho nas eleições de 2016. Entre os novos filiados, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, afirma que nenhum interesse municipal se sobressai ao projeto nacional. “Apesar da importância de cada um deles, nenhum poderia se sobrepor a esse movimento com repercussão nacional. As candidaturas a presidente da República são eventuais”, destacou.

Presente à cerimônia de filiações, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, revelou que Cid ou Ciro Gomes podem ser a novidade de projeto para o País, que tanto se faz necessário. “O PDT se sente honrado e confortável com alguém que já conhecemos há anos. Já tínhamos apoiado a candidatura de Cid Gomes para governador, antes já apoiamos a candidatura de Ciro, e hoje temos hoje um dos melhores prefeitos que o Brasil tem, que é Roberto Cláudio”, afirmou.

Provável candidato do PDT à presidência em 2018, o ex-ministro Ciro Gomes declarou compartilhar a mesma linha de raciocínio a respeito do que se tem praticado País afora contra o governo de Dilma Rousseff. “Precisamos proteger a democracia, seu calendário e seus valores. Há no País um claro movimento golpista, que aproveita as decepções justas da sociedade brasileira com o governo, escala um golpe como se fosse uma solução”. Ainda segundo Ciro, a ideia é proteger a democracia e no mesmo passo pressionar para que o governo “volte a se reconciliar com os valores e grupos sociais que lhe deram a eleição”.
Seu irmão e também ex-ministro e ex-governador do Ceará, Cid Gomes, disse que o partido já tinha força no Estado com o presidente estadual André Figueiredo, e para o grupo seria privilégio poder participar da legenda. “Lupi inclusive já adiantou que vai apoiar a candidatura de Ciro e estivemos juntos governando ao longo de oito anos no Ceará e agora vamos fortalecer ainda mais o partido nos municípios”.

O governador Camilo Santana (PT) também esteve presente ao ato de filiação dos prefeitos e fez questão de saudar a Ciro Gomes, a quem classificou como líder que tem sua admiração. “Nesse momento de muita dificuldade que passa o País ele tem o papel muito importante. O Brasil precisa de um líder respeitado para construir caminhos para a recuperação dessas dificuldades”. Ao ser indagado sobre as eleições de 2016, Camilo se limitou a afirmar que estava no evento como governador e não iria comentar.
Fonte: CearaAgora.com

segunda-feira, setembro 28, 2015

O Trapalhão: VEREADOR CARLINHOS RECUA DO CONFRONTO COM NONATO FILHO E RECEBE VAIAS

O líder do prefeito na Câmara Municipal de Ipu, vereador Carlos Amarante, retrocedeu do embate que vinha tendo com o colega de bancada Nonato Filho, "jogou a toalha", no caso do aluguel do carro de luxo para o "gabinete" do vice-prefeito e o misterioso E-mail. Essa atitude do vereador Carlos Amarante redundou nas vaias da plateia, nos chamados apupos, situação incomum na atual gestão.

"Carlinhos da Várzea" disse que ao se referir ao vice da Corrinha Dr. Eduardo não tinha intenção de macular a imagem do seu vice-prefeito Carlos Eduardo, pois é seu vice até o dia 1º de janeiro de 2017, pois também votou nele. 

Para Amarante o caso estás encerrado, e assim deveria ter sido a postura do colega Nonato Filho, que segundo ele só se defendeu nessa questão porque foi provocado pelos vereadores de oposição.  Disse ainda que Nonato sabe muito bem da reunião que houve com o seu pai Nonato Martins, ele Nonato Filho, o vice Carlos Eduardo e o prefeito Sérgio Rufino, reunião que varou a madrugada.  

Carlinhos ainda fez questão de exaltar que o vereador Nonato Filho é inexperiente é um parlamentar de primeiro mandato, por isso pisou na bola. Por falar em pisar na bola, esse jogo de vice versus prefeito ainda vai render prorrogação.
Confira o áudio da Tribuna do Edil:

Fonte: Repórter Francisco José

domingo, setembro 27, 2015

PDT PROMOVE GRANDE FESTA PARA FILIAÇÃO DE PREFEITOS

A filiação do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, assim como outros prefeitos e lideranças municipais ao Partido Democrático Trabalhista (PDT) será nesta segunda-feira, 28, às 19 horas, no Hotel Praia Centro Endereço, em Fortaleza. A informação foi dada por nota enviada pela assessoria da legenda.

O ato contará com as presenças de Carlos Lupi (Presidente Nacional do PDT), Manoel Dias (Ministro do Trabalho e Emprego), André Figueiredo (Presidente do PDT do Ceará e Deputado Federal), além de Cid e Ciro Gomes, deputados federais e estaduais, prefeitos, vereadores, lideranças e militantes dos partidos.

De acordo com a nota, “o ato, concretiza mais uma passo na união de forças de dimensão nacional que se juntam por um Ceará cada vez mais forte e em defesa do Brasil, tendo como base os históricos pilares ideológicos e programáticos: Fortalecimento de uma alternativa de Esquerda para o Brasil; A defesa da verdadeira social-democracia: um Estado forte e com convivência harmônica com a iniciativa privada; Gestão pública orientada por resultados e pela meritocracia; Luta em defesa dos trabalhadores brasileiros; Educação pública como pilar estratégico de transformação social”. A entrada de prefeitos e lideranças municipais amplia a projeção estadual e nacional do grupo político.
Fonte: CearaAgora.com

Bizurando: NOVENTA JOVENS DE IPU ENSAIAM PARA A PROVA DO ENEM

Aconteceu nesse final de semana mais um Simulado preparatório para a prova do ENEM realizado pelo Cursinho Bizurando em parceria com o Patronato Sousa Carvalho (PSC). 
Noventa jovens de Ipu resolveram um total de 180 questões e mais uma redação neste sábado e domingo. A coordenação do curso prepara para a próxima sexta a divulgação da pontuação obtidas pelos alunos e a premiação dos melhores no evento.
A prova do ENEM, porta de entrada para as principais universidades públicas do país e critério para obter o Fies, será realizado nos próximos dias 24 e 25 de outubro.

O Freguês - VASCO VENCE FLAMENGO PELA QUARTA VEZ CONSECUTIVA

Camisa 10 Nenê comemora o gol da virada

O Vasco segue vivo na luta para tentar escapar do rebaixamento. Em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, o Cruzmaltino superou o Flamengo por 2 a 1 neste domingo, no Maracanã, e chegou ao quinto jogo de invencibilidade na competição. De quebra, o time de São Januário ainda afastou o rival da briga pelo G-4. Emerson Sheik abriu o placar para o Rubro-negro, enquanto Rodrigo, de falta, e Nenê, de pênalti, comandaram a virada vascaína.

Com o resultado, o Vasco chegou aos 26 pontos e agora está a cinco pontos da Chapecoense – primeiro time fora da zona da degola. Já o Flamengo ficou estacionado nos 41 pontos, caindo para a sétima colocação e ficando quatro pontos do Palmeiras, quarto colocado.
A vitória vascaína ainda ampliou a freguesia estabelecida em 2015: são quatro vitórias (consecutivas), dois empates e apenas uma derrota em jogos oficiais nesta temporada.

PSD DE IPU DECLARA APOIO A PRÉ-CANDIDATURA DE SÁVIO PONTES

O vereador Eduardo Ximenes, novo comandante do PSD, confirma que o pré-candidato do seu partido para a sucessão municipal será os ex-prefeito Sávio Pontes. 
O ex-gestor de Ipu irá se filiar ao PSD como assim foi acertado em reunião ocorrida ontem, sábado (26.09), na cidade de Tauá a qual contou com a presença do Ministro Gilberto Kassab e o Deputado Federal Domingos Neto. 


sábado, setembro 26, 2015

VEREADOR EDUARDO XIMENES ASSUME COMPROMISSO DE PRÉ-CANDIDATURA À PREFEITO DE IPU PELO PSD

O vereador Eduardo Ximenes voltou fortalecido de um encontro do PSD ocorrido em Tauá na tarde deste sábado (26.09). O filho do empresário José Maurício esteve com o poderoso Ministro das Cidades Gilberto Kassab e com o Deputado Federal Domingos Neto, e ouviu dos mesmos que o PSD deve ter candidato nas cidades cearenses em que existe diretório. 
Eduardo fechou aliança com Kassab e Patrícia Aguiar, Prefeita de Tauá e mãe de Domingos, e agora é o novo presidente do PSD de Ipu, posto esse que estava antes sobre a tutela da ex-prefeita Corrinha. 
O edil assumiu compromisso com seus novos companheiros de partido de que a sigla vai postular o comando do executivo de Ipu em 2016.

O blog entrou em contado com o ex-Prefeito Sávio Pontes, forte aliado da Família Aguiar de Tauá, e o mesmo disse que caso Eduardo se apresente como mais um nome para disputar a Prefeitura de Ipu só irá fortalecer o grupo de oposição. 

Combate a Seca - CRITICADO POR FALTA DE PLANEJAMENTO, PREFEITO CONSEGUE MAIS ÁGUA DO ARARAS

Sergio Rufino e Elisafran (Diretor do SAAE)
Desde quando assumiu a Prefeitura de Ipu em janeiro de 2013, o Prefeito Sergio Rufino nunca fez um planejamento para que a cidade tivesse menos sofrimento com a seca a qual fora tão avisada pelos órgãos de analise climatológica.
Letárgico na construção de Poços Profundos e na colocação de motores, Rufino também tem feito vista grossa ao louvável projeto de aproveitamento das águas do Riacho Ipuçaba. Esse projeto já defendido pela Vereadora Arlete e pelo Vereador Hilton Belém, faria com que o percusso do Riacho, o qual logo com as primeiras chuvas demonstra uma vasão de água surpreendente, fosse represado e não desperdiçado como vem sendo por séculos. 
Na última sexta, 25, o Prefeito comemorou como se fosse a "invenção da roda" a conquista de um canal de derivação da adutora que migra água do agonizante açude Araras para Nova Russas e Crateús. Com sua comitiva, o chefe do Executivo esteve no local de Derivação da Estação de Bombeamento do SAAE no Distrito de Flores. 
É um paliativo louvável, mas que não ofusca a falta de planejamento da gestão. 
Fotos Portal Aconteceu Ipu


SERGIO RUFINO MONTA ESTRATÉGIA E ESPERA NONATO "LARGAR O OSSO"

Depois da declaração extraoficial de ruptura via Facebook feita pelo Vice Carlos Eduardo, a qual tornou público que a gestão dos Irmãos Rufino está na mesmice e que a cidade precisa crescer e respeitar as Famílias da cidade, o prefeito Sergio Rufino, segundo pessoas próximas ao mesmo, não vai se pronunciar oficialmente sobre a declaração do seu companheiro de chapa de 2012.

A estratégia de Sergio e irmãos é não radicalizar a questão retirando cargos e privilégios de Nonato Martins, pai do Vice, de forma abrupta. A ideia é não fazer dos Martins de Nonato como vítimas de perseguição pois isso lhes deixariam mais fortes eleitoralmente e desgastaria o Prefeito para sua sucessão.

"Matar na Unha" 
O prefeito irá gradativamente retirar os privilégios de Nonato e Filhos na Prefeitura e desta forma fazer com que eles peçam para sair e deixem de "roer o osso", como foi dito nas rodas e reuniões do comando do grupo Liberdade no dia de ontem.

Camocim: SUSPEITO DE ASSASSINAR RADIALISTA É PRESO EM GOIÁS

A Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira (25/09) em Senador Canedo, na Região Metropolitana de Goiânia, Thiago Lemos da Silva, 22 anos, e Regina Rocha Lopes, de 19, suspeitos de participar da morte do radialista Gleydson Carvalho. Eles eram foragidos da Justiça pelo crime e estavam escondidos em uma casa alugada no município.
Gleydson Carvalho tinha um programa de rádio na cidade de Camocim. Conhecido por fazer comentários críticos sobre políticos da região, ele foi morto com três tiros enquanto trabalhava, no dia 6 de agosto deste ano. O radialista chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.
Ao ser preso, segundo a Polícia, Thiago confessou que participou do homicídio, mas não revelou se foi o autor dos disparos. “Ele disse apenas que o radialista morreu porque falava demais e que recebeu a quantia de R$ 2 mil para cometer o crime”, afirmou ao G1 a delegada Ana Paula de Paula, da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), responsável pela prisão dos suspeitos.
Já a jovem detida não falou nada aos agentes durante a prisão. A delegada disse que ainda não tem informações de qual seria a participação dela no crime.

De acordo com a delegada, os policiais conseguiram localizar e prender a dupla após receber informações do serviço de inteligência da polícia.
“Eles estavam na cidade há pouco tempo e a gente acredita que não iam ficar um longo período. A casa tinha poucos móveis e eles dormiam no chão. Acreditamos que eles iriam, em seguida, para o Pará”, explicou.
Ainda conforme a investigadora, o casal não tinha nenhum parente ou amigo na cidade que pudesse ajudá-lo na fuga. A Polícia Civil do Ceará também já foi comunicada da prisão.
Com informações do G1.

VASCO X FLAMENGO - JORGINHO AGUARDA RAFAEL SILVA

Rafael Silva treino Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
A derrota na Copa do Brasil já ficou no passado. Em São Januário só se respira o clássico contra o Flamengo, domingo, o oitavo na temporada 2015. Nesta sexta-feira, o Vasco manteve a rotina de treinos fechados. E o técnico Jorginho não deu pistas sobre a escalação na entrevista coletiva. A tendência é que o treinador conte com os retornos dos atacantes Leandrão, Rafael Silva e Jorge Henrique. Os dois primeiros devem ser titulares. Ele, aliás, espera pelo desempenho dos jogadores neste sábado para definir a equipe.
- Rafael treinou normalmente, está se sentindo bem, sem dor. Jorge Henrique entrou na metade da atividade, mais preso, mas se sentindo bem. Confirmando os dois amanhã (sábado) sem problema algum, vamos definir a equipe - frisou Jorginho.
Será o terceiro Vasco x Flamengo do treinador no comando do Cruz-Maltino em pouco mais de um mês - os outros dois foram válidos pela Copa do Brasil no fim de agosto. Por enquanto, uma vitória e um empate. A partida marcará ainda mais um encontro entre Jorginho e Oswaldo de Oliveira, amigos de longa data.

- Muito bom treinador, o admiro muito. Um dos melhores momentos da minha carreira, não me machuquei quando fui comandado por ele no Vasco. Jogando de volante, basicamente o segundo volante. Gosto demais dele, muito inteligente, cara que sabe liderar a equipe, muito motivador. Amigo que dá a liberdade do jogador expressar o que gosta. Ficou uma amizade muito forte. Ele me levou pro Fluminense. Quando ele saiu de lá, eu pedi para ir embora em respeito a ele. Depois o pessoal do Kashima me ligou e perguntou sobre ele. Eu recomendei a contratação. É um mestre e aprendi muito com ele. Quando ele saiu do Kashima, também deixou meu nome como treinador - disse.
O treinador vascaíno também respondeu sobre seus anos como jogador do Flamengo, entre 1984 e 1989, logo após ser revelado pelo América-RJ. No início, chegou a dizer que preferia não falar sobre o assunto. Mas acabou falando.
- Momento é outro, não gostaria de falar disso. Também joguei no Vasco e conquistei títulos. Dois em dois anos, aliás. (No Flamengo) foi um período muito bom como atleta, primeiro grande clube depois do América-RJ. Dali veio a amizade com o Zinho, por exemplo. Mas hoje estou muito feliz no Vasco - encerrou.
Fonte GloboEsporte.com

sexta-feira, setembro 25, 2015

Bomba !!!!! - VICE PREFEITO DE IPU ANUNCIA RUPTURA COM SERGIO RUFINO

As tensões políticas envolvendo o Vice Prefeito e o Grupo Liberdade liderado pelo Prefeito Sergio Rufino chegou ao ponto máximo hoje pela tarde. Na rede social Facebook o advogado Carlos Eduardo anuncia em caráter extraoficial a sua ruptura com o gestor de Ipu.
Veja o teor da declaração bombástica
"Ipu, nossa terra querida, precisa entrar nos trilhos e rumar para dias melhores!! Diga não à mesmice e ao retrocesso!! Rumo ao crescimento e à valorização das famílias ipuenses!! Muda IPU!! 3ª VIA JÁ!!"


RENAN MARCA NOVA SESSÃO PARA VOTAÇÃO DOS VETOS PENDENTES

Renan Calheiros
O presidente do Congresso Nacional, Renan Calheiros (PMDB-AL), convocou para a próxima quarta-feira uma nova sessão conjunta de deputados e senadores para votar vetos presidenciais. O mais importante deles é o que barra a proposta de reajuste salarial de até 78,5% a servidores do Poder Judiciário. O reajuste acarretaria em gastos adicionais de 25,7 bilhões de reais para os cofres públicos nos próximos quatro anos, passando depois para um impacto de 10 bilhões de reais ao ano, de acordo com estimativas do Ministério do Planejamento. "Um impacto dessa magnitude é contrário aos esforços necessários para o equilíbrio fiscal na gestão de recursos públicos", argumentou a presidente Dilma Rousseff ao justificar o veto.
Na última terça-feira, o Congresso Nacional realizou sessão para a apreciação de vetos presidenciais, mas a falta de quórum impediu que o caso do reajuste do Judiciário fosse levado a voto. "Vamos convocar o Congresso Nacional para quarta feira às 11h30 para concluirmos a apreciação de vetos. Há uma cobrança com relação à conclusão daquela sessão, que avançou bastante, e essa tensão aborrece muito. O fundamental é que possamos fazê-la o mais rapidamente possível", disse Renan Calheiros nesta quinta-feira.
Com a nova disparada do dólar, que hoje bateu mais um recorde e chegou a 4,24 reais, Renan Calheiros disse que o agendamento da sessão de vetos "explicita uma preocupação do Congresso Nacional com a economia, com o Brasil, com o interesse nacional". "É muito importante que o Congresso Nacional mais uma vez colabore com a solução deste problema. Na verdade o que existe é uma consciência de tirarmos esses assuntos da ordem do dia", resumiu.
Na terça-feira, a sessão para a apreciação dos vetos presidenciais foi encerrada por falta de quórum faltando seis vetos a ser analisados, entre os quais o do Judiciário. Na ocasião, acabou mantido o veto presidencial que barrou a flexibilização das regras do fator previdenciário e estabelecia a regra 85/95 para a aposentadoria. Segundo a proposta aprovada pelos parlamentares, contribuintes poderiam se aposentar quando a soma da sua idade e do tempo de contribuição atingisse 95 anos para homens e 85 anos para mulheres. A derrubada do veto significaria um impacto fiscal 132 bilhões de reais até 2035.
Outro veto mantido na última sessão se refere à isenção de PIS/Cofins para o óleo diesel. A desoneração, que o governo calculava ter impacto de 64,6 bilhões de reais até 2019, constava da medida provisória 670, a mesma que reajustava as tabelas do imposto de renda.
Fonte Veja.com

DILMA ADIA PAR A PRÓXIMA SEMANA REFORMA MINISTERIAL

Dilma-e-Temer
A presidente Dilma Rousseff decidiu adiar o anúncio da reforma administrativa para a próxima  semana. Ele avisou nesta quinta-feira, 24, ao vice-presidente Michel Temer sobre sua decisão.O impasse com o PMDB e o espaço que ocupará no novo ministério foi o principal motivo da decisão. A presidente quer ter mais tempo para conversar com os aliados.

A presidente viaja hoje para Nova York, para participar da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU). O membros do PMDB da Câmara dos Deputados quer dois ministérios, um seria o de Saúde. Eles não querem pôr na sua cota nos ministérios do Turismo, ocupada por Henrique Eduardo Alves, e Aviação Civil, que tem a frente Eliseu Padilha. O deputado Leonardo Picciani (PMDB­RJ), líder do partido, ameaça desfazer o acordo.
No desespero Dilma pode dar mais um ministério ao partido, para ter o apoio total no caso de uma tentativa de impeachment e na aprovação do ajuste fiscal. Na engenharia política do Planalto os ministérios da Aviação Civil e dos Portos seriam mantidos, com Eliseu Padilha e Helder Barbalho, respectivamente. Já o ministério da Pesca seria incorporado pelo Ministério de Agricultura.
Já Kátia Abreu (Agricultura) e Eduardo Braga (Minas e Energia) seriam mantidos. A presidente pediu ajuda do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, para convencer Picciani de aceitar Padilha como indicação da Câmara. 
Com informações do Estado de S. Paulo

quinta-feira, setembro 24, 2015

Brasileirão: VASCÃO SEGUE MOTIVADO CONTRA O FLAMENGO NO DOMINGO

São quatro jogos sem perder no Campeonato Brasileiro. Dez pontos conquistados em 12 disputados. Uma evolução e tanto para quem chegou a ter 98% de chance de rebaixamento. E nem mesmo a derrota por 3 a 0 para o São Paulo pelas quartas de final da Copa do Brasil parece ter condições de diminuir o embalo da equipe de São Januário. Segundo Nenê, nada mudou para o clássico de domingo, contra o Flamengo, no Morumbi.
- Continua a mesma moral, cabeça e confiança. Temos que ir com tudo no clássico. O placar contra o São Paulo foi elástico, mas jogamos bem. Tivemos 20 minutos muito bons no primeiro tempo. E no segundo tempo também fomos bem em grande parte, poderíamos ter diminuído a vantagem - lembrou o camisa dez Nenê em entrevista ontem.

Discurso parecido com o do técnico Jorginho. Mesmo lamentando a derrota em São Paulo e sem jogar a toalha na briga por uma vaga nas semifinais, o treinador deixou claro que o resultado não vai interferir no jogo contra o Flamengo. No clássico, o Vasco deve contar com o retorno da dupla Leandrão e Rafael Silva.
- Os jogadores tem entendido claramente que precisamos trocar o chip o mais rapidamente possível. Mesmo em caso de vitória, nossa cabeça estaria no Flamengo agora. Estamos em ascenção no Brasileiro. Temos boas possibilidades de sair dessa situação e o planejamento todo é para isso. Independentemente de qual fosse o resultado no Morumbi. Não dá mais para pensar no São Paulo. O importante agora é recuperar meus atletas para encarar o Flamengo, que é o jogo da vida para a gente - frisou o comandante.
O Vasco volta ao Rio de Janeiro nesta quinta-feira com foco total no clássico. Depois de vencer três dos últimos quatro jogos no Brasileirão, o Cruz-Maltino chegou aos 23 pontos, mas ainda ocupa a penúltima posição da competição nacional. O jogo diante do Flamengo está marcado para domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã. Será o sétimo confronto oficial entre as equipes na temporada. Até agora, três vitórias cruz-maltinas, dois empates e uma derrota.
Fonte GloboEsporte.com

Ouça a Edição de Hoje (24.09) dos Bastidores da Política

Na edição desta quinta, 24.09, Kleber Teixeira e Hélio Lopes fazem, a partir das projeções partidárias, o quadro político de Ipu para a sucessão municipal de 2016. 
Os radialistas debatem os rumos do PDT de Ipu e a formação dos blocos partidários.

Vale Tudo - SERGIO RUFINO JOGOU PESADO, MAS NÃO CONSEGUIU O PDT

Ontem no Gabinete do Deputado Estadual Sergio Aguiar, em meio as definições na composição do PDT com a presença de lideranças de oposição, o partido dos Ferreira Gomes, foi colocado em pauta uma estapafúrdia movimentação do Prefeito Sergio Rufino para não deixar a sigla em Ipu ir para a oposição. 

Rufino, segundo os presentes na reunião, propôs às lideranças estaduais do PDT que se o partido governista ficasse com o mesmo, deixaria ele o PCdoB e entraria com mais vários vereadores na sigla.

Sergio Aguiar bradou e disse que iria mostrar quem mais teria moral com o governo, se ele ou os amigos do Prefeito de Ipu. Sergio Rufino e seus aliados junto ao governo foram engolidos pelo sobrinho-neto do Grande Dr. Rocha Aguiar.

CID E ROBERTO CLÁUDIO FAZEM ARRANJO PARA COMANDAR O PP

Uma articulação deflagrada pelo prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e pelo ex-governador Cid Gomes deverá manter o PP na base de partidos aliados aos Governos Estadual e Municipal. O movimento foi esboçado após o deputado federal Vitor Valim anunciar que estaria saindo do PMDB para comandar o PP no Ceará. Aliados de Cid Gomes caíram em campo para manter o PP sob a direção do ex-deputado federal Padre José Linhares.

A cúpula nacional da sigla exigiu, porém, que a condição para o PP continua com José Linhares havia necessidade do partido no Ceará ter, pelo menos, um deputado federal. Em meio a esse debate, Vitor Valim abriu conversas com dirigentes nacionais do Partido Progressista e havia avançado para se filiar à sigla e assumir a Presidência da Executiva Regional. Vitor teria falado demais e, entre uma declaração e outra, os aliados do ex-governador Cid Gomes agiram e montaram o quebra cabeça para salvar o PP.
A ideia era fazer o suplente Paulo Henrique Lustosa assumir uma vaga na Câmara Federal, contemplando, assim, as expectativas dos dirigentes nacionais do PP. A engenharia foi montada e, nas articulações, o deputado federal Adail Carneiro, do PHS, que fez aliança com o PP, assumiria um cargo na Prefeitura de Fortaleza ou Governo do Estado.

Adail já admitiu o convite e, para abrir o caminho de Paulo Henrique a caminho da Câmara Federal, os suplentes que o antecedem na coligação – Inácio Arruda e Ariosto Holanda permaneceriam nos cargos (Governo do Estado e Assembleia Legislativa), declinariam, também, da vaga de deputado federal. Estaria, assim, desenhado o cenário para o PP ampliar a bancada em Brasília e, no Ceará, ficar no grupo de partidos dos irmãos Cid e Ciro Gomes.

O PP, desde meados dos anos 90, vem sendo comandado pelo ex-deputado federal José Linhares que entrou na política pelas mãos dos irmãos Ferreira Gomes. Linhares desistiu de concorrer à reeleição no ano passado para assumir uma das vagas de suplentes na chapa de Mauro Filho ao Senado. O padre José Linhares, com base eleitoral na Zona Norte e, especialmente, em Sobral, exerceu cinco mandatos na Câmara Federal.
Fonte: CearaAgora.com.br

DILMA OFERECE MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES AO PDT - ANDRÉ FIGUEIREDO É COTADO

André Figueiredo (Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados)
A presidente Dilma Rousseff convidou ontem o PDT para assumir o ministério das Comunicações. Embora faça parte do governo, com o ministério do Trabalho, o partido havia se distanciado do Planalto e vinha atuando de forma independente na Câmara. Na reforma administrativa planejada por Dilma, o ministério do Trabalho deve ser incorporado à Previdência Social. O pedetista Manoel Dias ficaria fora de Esplanada. 

A informação foi confirmada por aliados de Dilma que acompanham as negociações e por dois integrantes da bancada pedetista. A tendência é que o líder do PDT na Câmara, André Figueiredo, seja indicado para o posto.

O atual ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, deve ser deslocado para a Secretaria-Geral e reforçar a articulação política do Planalto.
Fonte Época.com

quarta-feira, setembro 23, 2015

PDT FICA COM A OPOSIÇÃO E ENTRA FORTE PARA A SUCESSÃO EM 2016

Na reunião ocorrida hoje, 23.09, em Fortaleza, o martelo foi batido e a composição do PDT de Ipu ficou definida sobre o comando do grupo de oposição. O ex-Vereador Chagas Peres, apontado por todo grupo presente como o nome de coesão e arbitramento, ficou com a presidência da sigla Brizolista.
No arbitramento feito pelo Deputado Estadual governista Sergio Aguiar, segundo mais bem votado em Ipu nas últimas eleições, ficou acordado que os pré-candidatos Diego Carlos, Sávio Pontes e os vereadores da bancada de oposição se filiarão ao PDT. O também pré-candidato Balacó, suplente de Deputado Estadual, também permanecerá na sigla.

Manutenção dos Vetos - PRESIDENTE OBTÉM VITÓRIA NO CONGRESSO E RESPIRA POLITICAMENTE

Vamos dizer as coisas com todas as letras, ainda que possa sobrevir um tanto de desalento? A presidente Dilma Rousseff obteve uma expressiva vitória na madrugada desta quarta. E isso indica que o impeachment que parecia perto de atracar no cais descreveu uma curva considerável.

O governo percebeu que a disposição anteriormente anunciada de adiar a votação dos 32 vetos presidenciais passava um sinal óbvio de fraqueza. Resultado: o dólar voltou a disparar e atingiu a maior cotação na vigência do real. Melhor votar. E se mobilizou, então, uma força-tarefa, especialmente voltada para atrair peemedebistas, e, entre relevâncias e irrelevâncias, 26 dos 32 vetos presidenciais foram mantidos. A sessão foi encerrada antes que os outros fossem apreciados, dois deles bombas de alto poder explosivo: o reajuste dos funcionários do Judiciário e a extensão a todos os aposentados do índice que corrige o salário mínimo.
Sim, logram-se vitórias importantes. Conseguiu-se manter o veto à formula 85/95 para a aposentadoria como alternativa ao fator previdenciário. Dilma já enviou uma MP que propõe uma progressão nessa tabela de acordo com a expectativa de vida dos brasileiros. O Ministério do Planejamento diz que, se o veto tivesse caído, os gastos extras, até 2035, seriam de R$ 132 bilhões.

Outro veto mantido pelos parlamentares na madrugada desta quarta foi o à isenção de PIS-Cofins para o óleo diesel. Segundo o governo, o impacto dessa medida seria de R$ 13,9 bilhões em 2016 e de R$ 64,6 bilhões até 2019. Para lembrar: só se derruba um veto presidencial com a maioria absoluta da Câmara e do Senado, formada pela metade mais um do total de cada Casa: respectivamente, 254 deputados e 42 senadores.
O governo ainda não se livrou de todos os perigos, é claro!, mas deu um sinal de vida no fim da noite desta terça e madrugada desta quarta. A sessão foi encerrada antes que o veto ao reajuste do salário do funcionalismo do Judiciário — média de 59,5% em quatro anos — fosse votado. Também não se apreciou ainda o “não” de Dilma à extensão do índice de reajuste do mínimo a todos os aposentados.

Os dois temas são mais espinhosos porque se referem, vamos dizer, a dinheiro de curto prazo para categorias bastante mobilizadas. Uma nova sessão conjunta do Congresso terá de ser marcada, o que o governo espera que aconteça até o fim deste mês — o que me parece pouco provável.

Voto e reforma
Dilma mobilizou seus ministros e líderes do Congresso para tentar manter os vetos. Mas a coisa não parou por aí. A presidente da República entregou às respectivas bancadas federais do PMDB na Câmara e no Senado a indicação de cinco nomes para a reforma ministerial: cada uma das Casas indica dois, e ambas apontam o quinto.
Quais ministérios? O governo acena com a possibilidade de dar a Saúde ao partido. Também seria criado o Ministério da Infraestrutura, que juntaria Portos e Aviação Civil, que já estão com a legenda. Ainda estão em conversação a Integração Nacional ou o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio. Minas e Energia e Agricultura continuam com os peemedebistas Eduardo Braga e Kátia Abreu, respectivamente, mas há quem considere, no PMDB, que eles pertencem à cota pessoal de Dilma. Os peemedebistas reivindicam também a Educação.
A petista havia oferecido ao vice, Michel Temer, e aos presidentes da Câmara e do Senado, Eduardo Cunha e Renan Calheiros, respectivamente, a chance de indicar nomes. Eles declinaram. Depois de muita conversação, os parlamentares podem fazer agora a escolha.  Leonardo Picciani (RJ), líder da bancada na Câmara, informou na noite desta terça à presidente a decisão do PMDB da Casa de integrar a nova equipe.

Sim, meus caros, hoje, os sucessos e insucessos do governo são pensados segundo o impeachment. São necessários 342 votos para que a Câmara admita a denúncia, o que implicaria o afastamento de Dilma. Os que pretendiam derrubar os vetos presidenciais não conseguiram os 254 necessários, que já são 88 a menos.

Querem um consolo? Lula pode estar ainda mais chateado do que vocês. A cada dia que Dilma fica no Palácio, é a reputação dele que vai sendo corroída. Não que devamos, por essa razão, torcer pela permanência. Até porque o Brasil pode não suportar.
Muita coisa vem por aí. Dilma enviou a MP da CPMF para o Congresso. Se o imposto for rejeitado, a possibilidade do impeachment volta a crescer. As coisas estão assim mesmo: na corda bamba.
Por Reinaldo Azevedo

Devolução da Ipuprev - VEREADORA COBRA O AINDA NÃO PAGAMENTO DAS HORAS PEDAGÓGICAS

Batendo com uma "luva de veludo" a Vereadora situacionista Arlete e Mauriceia cobrou do Prefeito Sergio Rufino na última sessão do legislativo ipuense, dia 17,  o pagamento dos valores dos descontos previdenciários incidentes indevidamente sobre as "horas pedagógicas" mensais recebidas pelos professores municipais de Ipu. Cobrada por seu colegas de categoria pela morosidade do pagamento tão alardeado, a edil solicitou a intercessão do prefeito de Ipu junto à autarquia municipal IPUPREV, para que os valores que foram cobrados indevidos sejam devolvidos.

Promessa ainda não cumprida
O pagamento dessas horas pedagógicas foi anunciado ainda no mês de Março de 2015 pelo Secretário de Administração e financias, Raimundo José e o Chefe de Gabinete Sebastião Rufino na imprensa radiofônica do município. 
A reposição dos descontos efetuados de forma irregular, em favor da IPUPREV, na hora pedagógica desde a data do primeiro descontos efetuado, pagamento retroativo da diferença do piso salarial do magistério, gerou uma folha extra de pagamento que ainda nesse mês de setembro não foi paga.

A prefeitura ainda não deu uma explicação oficial para o ainda não pagamento. 

terça-feira, setembro 22, 2015

Copa do Brasil - RAFAEL SILVA É POUPADO, MAS VASCO VAI COM FORÇA QUASE MÁXIMA AO MORUMBI

Lutando contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Vasco quer avançar na Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o Cruz-Maltino vai encarar o São Paulo com praticamente força máxima no Morumbi. A única ausência será o atacante Rafael Silva, poupado por desgaste muscular e que nem foi a campo no treino desta terça-feira - Leandrão também não joga, mas por não ter sido inscrito a tempo na Copa do Brasil. O confronto será válido pelas quartas de final da Copa do Brasil.
Rafael ficou no Rio e sequer viajou a São Paulo. Jorginho relacionou 22 jogadores para a partida. A novidade foi o retorno do volante Guiñazu à relação. O Vasco vai tentar quebrar um jejum de três anos sem vitórias sobre o adversário - última vitória foi em julho de 2012, justamente no Morumbi (1 a 0, gol de Fágner). Apesar da reação no Brasileirão e de viajar com força quase máxima, o técnico Jorginho não confirmou a escalação e avisou que o empate é um bom resultado fora de casa.

Jogo de 180 minutos, sem tomar nenhum gol é importante. Quem sabe empate com gols nos ajuda muito. Sabemos da dificuldade que é, o São Paulo é uma grande equipe. Vem alternando bons e maus momentos, mas a gente sabe o potencial que tem, um treinador a certo ponto inovador no Brasil. aqui somos mais conservadores. Ele sempre vem com muitas surpresas. Tem jogadores de extrema qualidade e faz um revezamento que não é muito comum no Brasil. Mas é uma forma de trabalhar interessante, jogadores entram mais descansados. A gente vê claramente que é um treinador estudioso e procura dar um padrão. Sabemos da dificuldade, mas também vamos para lá procurar surpreendê-los - avisou.

A delegação do Vasco chega em São Paulo por volta de 21h30. Nesta quarta, enfrenta o Tricolor Paulista no Morumbi, às 22h (de Brasília), pela primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil. O Cruz-Maltino deve ir a campo com Martín Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Julio César; Serginho, Bruno Gallo, Julio dos Santos, Andrezinho e Nenê; Herrera.
Fonte Globo Esporte.com

Sobral - MOSES RODRIGUES REBATE CRÍTICAS DE IVO GOMES À OPOSIÇÃO

“Oposição sem preparo moral? Nosso grupo político trabalha ouvindo as pessoas e não fazendo o jogo do ‘quem vale mais’. Oposição sem projetos? O projeto político do nosso grupo é balizado nos anseios da população, onde Sobral não se resume ao centro histórico. Nosso projeto é verdadeiramente participativo e não impositivo”. A afirmação foi feita pelo Deputado Federal Moses Rodrigues (PPS/CE), durante uma entrevista na tarde do último sábado, 19.

Moses Rodrigues rebateu as críticas à oposição feitas pelo ex-secretário de cidades, Ivo Gomes, durante sua passagem pelo Beco do Cotovelo. “Vejo um despreparo quando escuto declarações como as que foram feitas. Acho que Ivo fala mais dele do que dos outros quando diz que os grupos que poderão disputar a prefeitura de Sobral estão despejando dinheiro em troca de aliados, pois foram os ‘Ferreira Gomes’ que vieram trocando cargos públicos por apoio político, independentemente, da qualificação dos profissionais. Enganaram o povo. Prometeram uma Refinaria cientes de que ela jamais viria para o Estado do Ceará, o que ocasionou um rombo aos cofres públicos do Estado e a diversos investidores privados. Tudo isso por motivos eleitoreiros”, disse. 

O parlamentar sobralense ainda criticou o posicionamento do deputado estadual ao enxergar a política como um meio fracassado. “Agora que estamos nos aproximando de um ano eleitoral, muitos vão querer mostrar serviço. É lamentável que pessoas que vivem exclusivamente da política venham dizer que a política está ‘no fundo do poço’. Duas décadas no poder não foram suficientes para contribuir para mudar essa realidade? A política ainda é o melhor meio para transformar as nossas realidades sociais. Um governo atuante precisa estar atento aos interesses do povo, através de políticas que promovam saúde de qualidade, educação de excelência e que sejam capazes de gerar emprego e renda, diferente do que vem ocorrendo em nossa cidade”, reforçou.

Moses Rodrigues ainda falou sobre seu grupo político. “Não somos coniventes com essa forma antiga de governar. Isso representa a força do atraso. Temos uma origem simples e crescemos na base do trabalho, e não de políticas excludentes, nem tão pouco de mesadas de construtoras. Por isso, nossos projetos são voltados para a valorização das pessoas”, completou.
Fonte Cearanews7.com

OS MARTINS DE NONATO E O MATAR OU MORRER NA POLÍTICA IPUENSE

Vice Prefeito Carlos Eduardo/foto Ipunotícias
Ultrajado pelo Grupo Liberdade nas duas últimas sessões do Legislativo Municipal na questão que envolveu uma possível irregularidade na contratação de um carro para seu gabinete, o Vice Prefeito Carlos Eduardo e seu pai Nonato Martins entram em um momento crucial para o seu futuro na política ipuense, onde dois cenários representam uma bifurcação sem volta para os mesmos.

Cenário I
Caso Nonato e filhos rompam com o Prefeito, como assim já se afirmam nas rodas política de Ipu, os mesmos colaborariam para a uma "morte política" na continuidade do Grupo Liberdade no poder. Os Martins de Nonato colocariam logo de cara a FM Cidade sendo mais uma voz de oposição a atual administração, além de carregarem seu peso eleitoral para oposição. Na Câmara Municipal, Sergio Rufino teria graves dificuldades pois Nonato Filho e o correligionário Manoel Palácios deixariam a bancada de situação.
Carlos Eduardo, caso esse cenário se efetive nos próximos dias, poderia até abrir diálogo com a posição para liderar uma campanha oposicionista como cabeça de chapa caso seu nome desponte bem nas pesquisas de intenção de voto. Não pactuando com os mandos dos Rufinos, o Vice sairia com uma imagem positiva perante a sociedade e pavimentaria seu futuro na política ipuense.

Cenário II
Sem ruptura nesse momento agora de crise, o sonho de Nonato Martins fazer do seu filho o futuro Prefeito de Ipu estaria seriamente comprometido. A submissão aos Rufinos deixaria claro para o eleitorado que os benefícios do poder falam mais alto para o referido clã familiar. Um futuro político de protagonismo para Carlos Eduardo entraria em óbito. 

"DE CADA TRÊS IPUENSES, DOIS APROVAM GESTÃO SERGIO RUFINO"

A imprensa defensora do Grupo Liberdade e da Administração dos irmãos Rufino, curiosamente divulgou números de uma suposta pesquisa  feita pelo Governo do Estado na cidade de Ipu.
Segundo os números, o Prefeito Sergio Rufino detém a provação de mais de 70% dos ipuenses. Os divulgadores, de maneira soberba como já é praxe da imprensa dos Irmãos Rufino, dizem que os que não aprovam são por razões político-partidárias. 
Sergio Aguiar, Deputado Estadual e um dos líderes do Governo do Estado na Assembléia, afirmou para líderes políticos da oposição que desconhece totalmente esse tipo de avaliação.

Copa do Brasil - VASCO NÃO CONTARÁ COM LEANDRÃO CONTRA SÃO PAULO

O Vasco enfrenta nesta quarta-feira, 23, o São Paulo, pelas quartas de final da Copa do Brasil às 22h (de Brasília), no Morumbi, e não poderá contar com Leandrão, seu centroavante titular contratado após o encerramento das inscrições na competição. A ausência do jogador abre espaço para Riascos retornar à lista de relacionados justamente no torneio em que se destacou pela última vez: marcou dois dos três gols da vitória por 3 a 2 sobre o América-RN, na Arena das Dunas, que levou o Cruz-Maltino às oitavas de final. Herrera, contudo, é o mais cotado para começar a partida. Thalles, Renato Kayzer e Romarinho também correm por fora.
Poupar ou não, eis a questão? No Vasco, a opção de preservar jogadores mais desgastados, priorizando o objetivo principal do clube que é a fuga do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, não entrou em pauta. Ao menos por enquanto. Jorginho não conversou ainda com o elenco sobre o assunto. 

Cadê o Dinheiro que tava aqui? - VEREADOR QUESTIONA EMPRESA QUE LOCOU VEÍCULO PARA VICE PREFEITO

O vereador Adriano Melo na sessão ordinária da Câmara Municipal de Ipu da quinta-feira (17/09), se referiu ao seu projeto que disciplina os veículos oficiais da gestão pública municipal, que nunca foi colocado em discussão e votação. Cujo projeto antevia questões como esta do imbróglio do aluguel do carro de luxo para o gabinete inexistente do gabinete do vice-prefeito Dr Carlos Eduardo Martins Torres.

Ao fazer uso da tribuna O edil fez indagações pertinentes sobre a polêmica da locação do veículo pelo gabinete do vice-prefeito. A primeira interpelação: Se a PMI (Prefeitura Municipal de Ipu) licitou e contratou a empresa JH Locadora para alugar veículos, por que o vice-prefeito teve que indicar um carro conforme cita o E-mail lido pelo líder do prefeito? Essa empresa  não tem carros?

Segunda indagação: Se o vice-prefeito declara não haver usado o veículo, por que a PMI continuou pagando pelo uso de um carro que não está sendo utilizado?

E a terceira e última interpelação: Se a empresa não tinha carro e sublocou o carro do gabinete do vice-prefeito, para quem a empresa repassou o dinheiro da sublocação?

São interrogações que se fossem respondidas com base na verdade esclareciam fatalmente essa questão. Por que afinal quem está com a verdade ou quem está mentindo; o prefeito ou o vice-prefeito? A verdade explícita até agora nesse caso é que houve malversação do dinheiro público!

Confira na sonora abaixo o pronunciamento do vereador Adriano Melo, aparteado pelo vereador Eduardo Ximenes:   

Fonte: Repórter Francisco José